LGBTFobia

A LGBTfobia pode ser definida como a hostilidade geral, psicológica e social contra aqueles(as) que, supostamente, sentem desejo ou têm práticas sexuais com indivíduos do mesmo sexo (práticas homoeróticas).

Mulheres com Deficiência

Você é umaMulher com deficiência?

ItemExplicação

ItemExplicação

ItemExplicação

ItemExplicação

ItemExplicação

Proteção ao Trabalho

Você precisa de proteção no trabalho?

ItemExplicação

ItemExplicação

ItemExplicação

ItemExplicação

ItemExplicação

Você passou por uma situação de LGBTFobia?

Violências contra a população LGBT estão presentes nos diferentes grupos de convivência social e formação de identidades. As ramificações se fazem notar no meio familiar, nas escolas, na igreja, na rua, no posto de saúde, na mídia, nos ambientes de trabalho, nas forças armadas, na justiça, na polícia, em diversas esferas do poder público e na falta de políticas públicas afirmativas que contemplem a comunidade LGBTT (Mott, 2006).

Dentre os tipos de violência LGBTfóbica, podemos verificar as seguintes práticas:

– Violência física, agressões, espancamentos

– Cyberbullying, agressões de cunho moral em forma de xingamentos e provocações que buscam menosprezar e difamar. No caso da LGBTfobia, as difamações morais têm por objetivo atingir alguém por ser lésbica, gay, bissexual, pela identidade de gênero (mulheres e homens trans, travestis, não-binários) ou pela sua expressão de gênero, quer dizer, pela forma como a sociedade que a conformidade dos gêneros.

– Impedir ou dificultar acesso ou permanência a emprego ou promoção na administração pública e/ou empresas privadas ou em qualquer ramo das Forças Armadas;

– Tratar as/os empregadas/os de forma diferenciada, quanto ao salário, acesso a equipamentos e condições necessárias; entre outros;

– Realizar anúncios ou qualquer outra forma de divulgação de vagas com exigências à aspectos de aparência próprios de raça ou etnia, salvo se as atividades justificarem essas exigências;

– Impedir acesso, permanência e/ou atendimento em estabelecimentos comerciais, escolas, hotéis, restaurantes, bares, estabelecimentos esportivos e recreativos, cabeleireiros, entradas sociais de edifícios e elevadores, uso de transportes públicos;

– Impedir ou criar obstáculos para realização de casamento ou convivência familiar e social;

– Praticar, induzir ou incitar a discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional, incluindo a utilização de meios de comunicação social (rádio, televisão, internet etc.) ou publicação de qualquer natureza (livro, jornal, revista, folheto etc.).

Se você passou ou por algumas dessas situações de LGBTfobia, receba nossa solidariedade e saiba que não está sozinh@. Veja ao lado algumas informações que podem te ajudar.

Como você ficou sabendo deste atendimento?
Contact Form
Se as informações que estão aqui não foram suficientes para o seu acolhimento, estamos a  disposição para te ouvir e tirar dúvidas.
Clique aqui!

PRECISA DE MAIS AJUDA?

Preencha o formulário abaixo e enviaremos informações adicionais para que você possa se defender.

Contact Form
Por favor escreva seu nome.
Seu endereço de e-mail
Escreva sua mensagem.
Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support